Piratas do Caribe 4- Navegando em Águas Misteriosas

Ainda consigo me lembrar da reação que eu tive ao ver o tão esperado trailer de Piratas do Caribe 4. Não sabia se ria pelo fato de a única personagem dos três filmes anteriores que participa desse ser o Jack Sparrow (Johnny Depp ♥), minha favorita, ou se chorava por não poder mais ver o lindo do Orlando Bloom e a maravilhosa da Keira Knightley (Will e Elizabeth, respectivamente). Quando vi o trailer no cinema pela primeira vez, na pré-estréia de Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 com duas amigas, já fizemos a promessa de ver o filme na estréia. Não sei explicar, a sensação de ir na estréia de um filme é única e pra mim e para essas amigas, uma tradição. Como prometido, fui à estréia (só com uma amiga, a outra não pode ir) depois de muita correria.

O filme tem 2h30min de duração. Geralmente, quando um filme chega aos 100 minutos, já estou cansada e querendo ir embora. Surpreendentemente, isso não aconteceu com esse filme. Já havia passado uma hora e meia, enquanto pra mim tinha parecido apenas dez minutos. A única coisa que posso concluir com isso: o filme é GENIAL!

No quarto filme da série (posso chamar de série?), Jack Sparrow vai até Londres para resgatar seu amigo Gibbs (Kevin McNally), que fazia parte da sua tripulação no Pérola Negra. Lá descobre que alguém está usando seu nome para conseguir marujos em uma viagem até a tão famosa Fonte da Juventude.  Quem está por trás da farsa é Angélica (Penelope Cruz), um antigo amor e filha do mais temido pirata Barba Negra (Ian McShane), que está com os dias contados. Em rumo à Fonte, querendo salvar Barba Negra, se deparam com capitão Barbossa, o Pérola Negra, que agora trabalha para o império britânico e que também está procurando pela fonte.

Cheio de aventuras e com a tão famosa e impecável trilha sonora, o filme só não é melhor que o anterior. Me sentia vivendo a história. E o melhor de tudo, como já disse: apesar de ser longo, o filme não é cansativo. Duas personagens que merecem grande destaque no filme: Phillip, o religioso (lindo), e Serena, a sereia (linda). Muita química e fofura entre os dois.

De cinco estrelinhas, dou quatro. Recomendo!

Beijos,

Jú.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Piratas do Caribe 4- Navegando em Águas Misteriosas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s